Finalmente liberei o freio de mão + mande…

Pela primeira vez na minha carreira eu tive acesso a um “career coach”, e com poucas sessões já identificamos um peso que carrego comigo desde meus tempos de proprietário de estúdio e que acaba bloqueando o crescimento do meu time e meu também. Nos meus tempos de empreendedorismo, eu costumava andar com o freio de mão puxado, contratar mais pessoas significava custos e muitos riscos, será que teremos trabalho suficiente para manter essa(s) pessoa(s)? O valor do projeto é suficiente para cobrir custos de contratação? Como nunca tive formação ou treinamento na área de finanças e gestão de empresa, eu criei esse estado mental onde faríamos tudo com pouco, e sempre fui orgulhoso disso.

Read →